segunda-feira, julho 30, 2007

Saudades da minha avó

Casou-se cedo, teve filhos cedo. Também morreu cedo. Eu estava as vésperas de completar 11 anos quando ela se foi deste mundo. Mas me lembro dela como se fosse hoje. Chamava-se Elza. Uma mulher calma, pacata, falava pouco. Era muito prendada. Cozinhava a melhor comida do mundo. Nunca mais comi comida caseira gostosa daquele jeito. Fazia uma canja de galinha quando estávamos doentes que se eu fechar os olhos e me concentrar, posso até lembrar direitinho do sabor daquela canja.
Suas mãos pequenas e delicadas também costuravam para fora. Não roupas, mas bonecas de pano. As bonecas de pano da Dona Elza eram muito cobiçadas. Me lembro quando passava horas ajudando ela a fazer o enchimento daquelas bonecas. A vida era tão boa!

Fui criada com vó, como diz a minha mãe. As minhas festinhas de aniversário eram todas na casa dela. Meus pais sempre trabalharam fora tempo integral, e eu e minha irmã quando não estávamos na escolinha, estávamos com ela.

Hoje olhando fotos antigas, encontrei a foto abaixo. Minha mãe trouxe a original no ano passado e me pediu para escanear e dar uns retoques no computador, com medo de que se estraguesse com o tempo. Esta foto não tem preço.
A minha avó Elza é a moça bonita em pé do lado direito. Tinha os olhos azuis mais bonitos que já vi. A outra moça bonita em pé do lado esquerdo é a irmã dela, minha tia-avó Ivanize. A senhora sentada no meio é a minha bisavó e mãe das duas, D. Laura. Meu nome é uma homenagem à ela.
Clique na foto para ampliá-la


Saudades da Dona Elza!
As vezes quando deito pra dormir eu fico lembrando dela, e fico a me perguntar por onde anda a minha avó? Em que mundo, ou outra vida, ou dimensão, ou estrela ela foi morar? Será que lembra de mim de lá aonde ela estar?

13 comentários:

leila disse...

Voce e' parecida com ela. Linda essa foto.

Andréa N. disse...

Que lindo post. Eu também me pergunto onde andarão minhas duas avós. Só conheci uma, que se foi quando eu tinha 7 anos. Linda foto! Adoro fotos antigas.

Maitê disse...

Laurinha, tbém estou com pena daquele ator. Ele ficou horrível...

Menina, tenho muita saudade da minhas vós. De maneiras diferentes, elas eram muito boas pra mim...

Abs

Mariposo-L disse...

Laurinha, olá tudo bom ??? espero que sim , passei por aqui para saber está tudo bom com vc e familia espero que sim .... Acho muito legal esses posts sobre sua familia com as fotos antigas .. muita legal a forma que vc fala de sua familia !

Um abração

Kristal disse...

São lindíssimas as suas tias e sua avó, além de serem muito elegantes também.

Marcia disse...

Linda sua avó Laurinha! Também tenho muita saudades da minha...

Andréa Brelaz disse...

Infelizmente só conheci a minha avó materna quando eu tinha uns 14 anos e foram poucos dias de convivência, pois ela morava em Parintins - AM. Foi a única vez que a vi.

Já a minha avó paterna faleceu em 1970 (eu nasci em 1973) e o meu pai tem poucas fotos dela.

Felizes são os netos que tem o privilégio de conhecer e conviver com seus avós. Ainda bem que os meus filhos tem esse contato e de perto.

Tom, um ser diferente... disse...

Vixe Laurinha...l Saudade de vó é fogo!
Eu também estou com muitas saudades da minha.
É sempre muito bom passar por aqui e ler histórias tão doces como esta.
Beijos no coração,
Tom

Jôka P. disse...

Que bela foto de família !

Wagner disse...

Cheguei aqui pelo blog do Tom. Gostei!

Como me lembro e tenho saudades da minha vó! Foi uma das pessoas mais suaves e doces que conheci na minha vida! Um ser realmente especial, que deixou muitas saudades quando partiu. Também fico pensando: por onde ela anda agora? Mas sempre a sinto perto de mim...
Parabéns pelo blog divertido e também saudosista.

Patrícia disse...

Laurinha, voce puxou o olhar da sua avo. Linda a foto!

Maitê disse...

Não me leve tanto a sério Laurinha, era brincadeira. A Britney, meu Deus, dá vontade de bater na cara dela pra ver se ela acorda. Menina, ela parece estar seqüelada de uso de drogas. Mas como ser drogada é chique nos EUA, tá uma coisa isso. Abs

Sonho Meu disse...

A minha...logico ja se foi anos e anos luz atras.
O que me lembro dela,pois na época na existia tv, é que era uma ótima contadora de historias de trancoso e como eu viajava nas suas palavras, olhando a luz do candieiro. Belas memorias !
A sua vo era realmente muito linda.
bjos,
me

Arquivo

   
eXTReMe Tracker